Na hora de colocar as despesas na ponta do lápis, poucas empresas observam como os procedimentos do estoque podem influenciar no resultado final. Um erro que pode aumentar o número de retrabalhos, tornar os processos pouco ágeis e, consequentemente, elevar os gastos como um todo.

Por exemplo, você sabia que os custos envolvidos no processo de movimentar e armazenar mercadorias representam em torno de 30% do custo logístico total? Nos últimos anos, essa participação vem crescendo cada vez mais.

Daí vem a importância de buscar uma forma de automatizar e tornar esses processos mais ágeis. Sua empresa ganha vantagem competitiva justamente porque está utilizando seus recursos da melhor forma, reduzindo despesas e erros de operação.

Uma ferramenta que tem ajudado muitas empresas nesse sentido é o WMS – Warehousing Management System. Graças à sua tecnologia de rastreabilidade, o software permite que as tarefas do armazém sejam gerenciadas com maior precisão e eficiência. Otimizando, inclusive, o tempo do operador: é possível identificar onde o produto está e reduzir tempos ociosos e de deslocamento.

Segundo a pesquisa do Gartner Group, a utilização de uma ferramenta WMS proporciona uma redução no volume de devoluções por erros de entrega e do tempo de espera dos caminhões. Essa redução gera, em média, um ganho de espaço entre 10% e 20%, a redução dos inventários de 50% em 3 anos e a acuracidade de estoques na faixa de 99,5%, redução na mão de obra em até 40%, aumento na eficiência operacional de 10 a 30%.

Essas informações refletem os inúmeros benefícios trazidos pelo software:

  • Aumento da densidade de estocagem ao otimizar os espaços;
  • Racionalização dos percursos dos operadores;
  • Redução de papéis na operação;
  • Facilidade na localização dos produtos, considerando seus prazos de validade e entrada;
  • Melhoria significativa da acuracidade de inventários;
  • Planejamento dos recursos (pessoal, espaço e equipamentos);
  • Aumento da produtividade, suportando, inclusive, políticas de remuneração variável.

A implantação do WMS representa a oportunidade de preparar o armazém para futuros momentos de expansão de vendas. Os armazéns tornam-se aptos para assimilar, sem maiores impactos, os serviços adicionais solicitados, apoiando firmemente o processo de aumento de valor agregado ao cliente. A redução de tempo de atendimento promove uma melhoria na imagem da empresa e, consequentemente, um aumento na satisfação do público.

Compartilhe esse artigo nas redes sociais

Quer receber mais conteúdos como este?