A adoção de um sistema de gerenciamento de armazém na logística interna de uma empresa pode representar um avanço significativo nos processos. Uma vez que uma série de atividades deixam de ser manuais e são automatizadas. Na prática, isso gera uma série de ganhos, como aumento da qualidade na tomada de decisão e do fluxo de armazenamento.

Confira os motivos principais para adotar um sistema de gerenciamento de armazém

Nós listamos aqui os sete principais benefícios de contratar uma solução WMS, mostrando o quanto ela pode ser eficiente para sua operação. Veja abaixo quais são e veja os motivos pelos quais sua empresa precisa de uma solução como essa.

1 – Otimizar a utilização do espaço físico do armazenamento

Nos processos atuais, o custo de do espaço físico de armazenamento é altamente relevante para a grande maioria das empresas. Com a implantação de um sistema de gerenciamento de armazém (WMS), um dos objetivos é compactar o armazenamento utilizando regras de armazenamento.

2 – Aumentar a qualidade e a velocidade nas tomadas de decisões

Com a implantação do WMS, as decisões do que, quem e quando fazer passam a ser controladas pelo sistema. As informações para tomadas de decisões operacionais são parametrizadas no sistema, não dependendo unicamente da experiência de alguns operadores. Com isso se obtém uma melhor qualidade, independência e velocidade nas tomadas de decisões críticas.

3 – Melhorar a qualidade de informações operacionais

As informações operacionais passam a ter uma maior qualidade e de forma mais rápida. O WMS não informa apenas o saldo de um determinado item, mas também onde estes itens se encontram dentro de um armazém. A ferramenta diz se estão disponíveis para movimentação ou se já estão reservados para alguma operação como o atendimento de um pedido.

Além disso, todas as movimentações ficam registradas no sistema, sendo possível acessar estas informações de uma forma rápida.

4 – Aprimorar a qualidade de informações gerenciais

O WMS fornece várias informações gerenciais úteis para tomadas de decisões que podem ser utilizadas para melhorar o processo de armazenamento e movimentações. Por meio de análise dos dados de itens armazenados e o mapeamento do armazém, é possível analisar a capacidade ocupada do armazém ou de parte dele. Dessa forma, é possível fazer com que ações possam ser tomadas antecipadamente para melhorar a capacidade de armazenamento.

Já na parte operacional, o sistema fornece informações de movimentação, como tempo médio de movimentação, volume de movimentação que podem ser utilizadas para melhorar os processos de movimentações.

5 – Confiabilidade na expedição

Se o custo para se conquistar um cliente é alto, o custo de reconquistá-lo após perdê-lo por erros ou atrasos de entrega é muito maior. O WMS atua de forma significativa nos processos de separação, conferência e controle de embarque. Assim, garante a entrega dos itens corretos, na quantidade necessária, no tempo ideal e para o cliente certo.

6 – Controlar a validade de lote, shelf life e quarentena

Um dos grandes problemas enfrentados por empresas que trabalham com produtos que possuem controle de validade ou quarentena é o controle destas datas. Em processos operacionais efetuados de forma manual, o esforço despendido para estes controles utiliza uma grande parte do precioso tempo dos operadores.

E mesmo assim a chance de deixar um lote vencer no estoque, enviar um item dentro do processo de quarentena ou com um percentual de shelf life fora do período exigido elo cliente é muito grande. O WMS executa todos estes procedimentos de forma automática, aumentando a qualidade dos controles deste tipo de item e liberando tempo dos operadores para outros tipos de tarefas.

7 – Rastreabilidade de movimentos

Toda a movimentação de produto executada pelo sistema de gerenciamento de armazém fica registrada. Este registro indica de onde e para onde um item foi movimentado, por quem foi movimentado, a quantidade movimentada, qual o equipamento utilizado e qual a finalidade do movimento. E quando o item possui a necessidade de rastreabilidade de lotes, as informações de lotes também ficam registradas.

Estas informações são de grande validade no momento de refinar processos ou então detectar erros operacionais. Já no caso de itens com controle de rastreabilidade de lotes, é possível ter a rastreabilidade de todos os lotes utilizados na produção de um determinado item. Ou então utilizar a rastreabilidade invertida para verificar em quais produtos acabados um determinado lote de matéria prima foi utilizado.

sistema de gerenciamento de armazém

Agora que você sete importantes benefícios, que tal contratar agora mesmo uma solução de sistema WMS? A Softdata tem experiência de mais de 20 anos nesse sistema, atendendo clientes de diversos segmentos. Clique aqui e entre em contato com um dos nossos especialistas, que estão à disposição para atendê-lo.

Compartilhe esse artigo nas redes sociais

Quer receber mais conteúdos como este?

Queremos garantir a melhor navegação e personalizar sua experiência no nosso site. Por isso, coletamos informações pessoais de preferências e interesses por meio de cookies e outras tecnologias semelhantes. Entenda como usamos os dados armazenados na nossa Política de Privacidade.